sexta-feira, 29 de maio de 2009

Ciclo de palestras sobre a História Veneciana destaca a importância da preservação do patrimônio cultural para a construção da identidade regional


Alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental "Dr. Adalton Santos" assistem a palestra sobre a História de Nova Venécia. Foto: Vanda B. Francischetto Milleri, 20/04/2009.

Com o objetivo de chamar a atenção dos jovens venecianos para a História Regional, o Projeto Pip-Nuk, através do historiador e professor Rogério Frigerio Piva, em parceria com escolas da rede privada e pública (municipal e estadual) vem promovendo palestras sobre a História Veneciana.

A palestra “Da colonização à emancipação (1870-1953): Uma breve História de Nova Venécia” trata de um dos períodos cruciais para formação do atual município de Nova Venécia: o de sua colonização.

São aproximadamente 50 a 60 minutos, nos quais se apresenta uma síntese de 83 anos de História, abordando desde as três principais matrizes étnicas que atuaram neste processo: indígenas, africanos e europeus, além de destacar aspectos econômicos, políticos e socioculturais. Veja em nosso blog o artigo homônimo que trata do período abordado na palestra.

O convite inicial partiu da professora de História da Escola Estadual de Ensino Médio Dom Daniel Comboni, Izabel Maria da Penha Piva, integrante do Projeto Pip-Nuk. No dia 02/04/2009, a palestra foi proferida para alunos do ensino médio do turno matutino da EEEM Dom Daniel Comboni. No dia 20/04, foi a vez da Escola Municipal de Ensino Fundamental Dr. Adalton Santos, onde, algumas turmas do turno vespertino nos prestigiaram com a sua atenção, após termos recebido o convite da professora Vanda B. Francischetto Milleri. No dia do município, 24/04, a convite da equipe pedagógica do Centro Educacional Evolução, apresentamos a palestra a todos os alunos do Ensino Fundamental do 6º ao 9º ano.

As escolas forneceram o espaço físico e equipamentos necessários, enquanto que o “recurso humano” ficou por conta do Projeto Pip-Nuk, sem ônus para nenhuma das instituições.

Esperamos ter oportunidade de fazer outras apresentações, inclusive, para um público não-escolar.

Destacamos que a História e a Cultura Veneciana não devem ser focadas somente na época da Festa da Cidade. Podem e devem ser trabalhadas nas escolas e/ou na mídia local em qualquer época do ano.

O período em torno do dia do município é propício à reflexão, mas não deve ser o único. Devemos destacar essa importância durante qualquer momento do ano para não ficarmos presos a uma mera “data comemorativa”.

Somente depois de conhecer a sua História, o veneciano poderá identificar-se com a sua terra, respeitando suas tradições, sua memória e seu patrimônio natural e cultural.

É urgente despertar esse interesse na população, em especial, nos nossos jovens. Somente assim, fortaleceremos a identidade dos venecianos e com ela, a sua auto-estima a fim de torná-los verdadeiros e atuantes cidadãos.

Na oportunidade agradecemos as escolas citadas, onde fomos muito bem acolhidos e retornaremos, sempre que houver novos convites.

Alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental "Dr. Adalton Santos" assistem a palestra sobre a História de Nova Venécia. Foto: Vanda B. Francischetto Milleri, 20/04/2009.

Um comentário:

Altair disse...

ROGÉRIO,

Parabéns pela pesquisa e registro dos fatos da história de Nova Venécia.

[]

ATENÇÃO!!!

Este blog é específico para difusão e estudo do patrimônio natural e cultural do município de Nova Venécia, bem como, tudo que norteia a sua cultura, memória e meio ambiente. A utilização, do material aqui disponibilizado (seja texto ou imagem), por qualquer veículo de comunicação, deve ser previamente solicitada ao Projeto Pip-Nuk por meio do e-mail: projetopipnuk@yahoo.com.br e jamais poderá ser publicada sem menção ao seu autor (quando houver) e ao respectivo blog.